Amazonas

Amazonas

Da exuberante natureza aos pratos exóticos com ingredientes vindos diretamente da floresta, o Amazonas é um destino ainda pouco conhecido pelos turistas brasileiros.

Quando falamos em Amazonas, algumas palavras surgem logo em nossa mente: natureza exuberante, floresta amazônica, Rio Negro, Rio Solimões, Manaus…

De fato, esse Estado possui um dos maiores potenciais para o ecoturismo no Brasil. E para você que está planejando fazer turismo no Amazonas, vamos te mostrar que esse estado tem muito a oferecer.


Turismo no Amazonas

Se engana quem pensa que não há muito o que fazer no Amazonas. A verdade é que há muitas atrações por todo o estado.

O Amazonas é um excelente pólo de ecoturismo no Brasil. Parques como o do Pico da Neblina, do Jaú e de Anavilhanas estão repletos de trilhas prontas para serem exploradas.

Vale lembrar que alguns desses parques não possuem infraestrutura turística adequada. Assim sendo, a presença de um guia experiente te acompanhando durante a sua viagem é essencial.

Recomendamos a empresa Iguana Tour para te auxiliar com sua viagem para o Amazonas. Eles são especializados nesta região do Brasil e possuem um ótimo custo x benefício. O Wilson e toda a sua equipe foram muito atenciosos durante nossa visita à Manaus e arredores.

Dica: tem cupom de desconto para leitores do Mala de Aventuras. É só clicar aqui e entrar em contato com eles no whatsapp falando que é nosso(a) leitor(a)!

Rio Amazonas

Navegar pelos rios da região também é algo muito procurado pelos turistas. Ver o encontro dos Rios Negro e Solimões de perto é um privilégio. Percorrer o maior rio do mundo, nem se fala! Aliás, os rios são vitais para a população do Amazonas, já que são a principal via para o tráfego dos locais e muitas comunidades tiram deles o seu sustento.

Ah! E você sabia que é possível passar algumas noites hospedado em um dos rios próximos a Manaus? O Amazon Jungle Palace é um hotel de luxo que foi totalmente adaptado em um barco. Ele fica no Rio Negro e oferece uma estrutura bem completa para resort nenhum colocar defeito.

Festivais no Amazonas

A diversidade está também na cultura dos povos amazonenses. Festivais tradicionais ocorrem em diversas cidades. Sem dúvidas, o maior deles é Parintins. A festa dos bois Garantido e Caprichoso é conhecida mundo afora e a cada ano uma novidade surpreende ao público que vai ao bumbódromo.

Lista dos principais festivais que ocorrem no estado do Amazonas:

  • Festival de Parintins – última semana de junho.
  • Boi Manaus – mês de outubro.
  • Festival de Ópera de Manaus – entre abril e maio.
  • Festival Amazonas de Jazz – mês de julho.
  • Festa do Pirarucu – entre 30 de novembro e 03 de dezembro.
  • Festa do Peixe Ornamental – mês de janeiro.
  • Festa do Guaraná – início do mês de dezembro.

Culinária do Amazonas

E o que falar da culinária amazonense? No Amazonas provamos pratos exóticos deliciosos. Alguns dos mais tradicionais são o pato no tucupi, o  tacacá, o tambaqui, o pirarucu e o tucumã. Só experimentando para saber como são DE-LI-CI-O-SOS esses pratos!

Deu para perceber que o turismo é extremamente diverso, né? Daqui a pouco você vai conhecer nossas sugestões de cidades turísticas nesse Estado que temos certeza de que vão te surpreender.

amazonas
Fotos: @gaiavani

Quando visitar o Amazonas

Essa é uma pergunta recorrente entre muitos viajantes. O clima na região é quente e úmido durante todo o ano. As chuvas e as temperaturas são constantes, mas no verão os termômetros chegam a 40 graus facilmente.

Basicamente, podemos dividir o tempo lá pela época de cheia e seca dos rios. Isso influencia bastante as paisagens. Então, na dúvida, faça duas viagens: uma viagem em cada época do ano que você não vai se arrepender. rsrs

Verão no Amazonas

O verão é a época das cheias dos rios. Durante essa época você vai poder navegar com mais facilidade pelos rios e conhecer melhor os igapós. As cachoeiras estão em seu esplendor, todas com um volume d’água que você nunca viu antes. O clima é mais ameno e há menos mosquitos. Em contrapartida, uma sequência de dias ensolarados é mais difícil nessa época do ano.

Inverno no Amazonas

Já o inverno é a época das secas. Para quem quer aproveitar as praias de rio, o período é perfeito. A época também é propícia para a observação de animais selvagens como botos e jacarés. Já as cachoeiras estão mais agradáveis e com um volume d’água tranquilo, tornando a experiência de visitá-las menos perigosa.


Cidades turísticas do Amazonas

O Amazonas é um Estado ainda pouco explorado pelos turistas brasileiros. Mas a verdade é que a região possui um dos maiores potenciais para o ecoturismo do país. Somado a isso, vale muito a pena conhecer as diversidade de cultura presente na região.

Dessa forma, selecionamos 10 cidades turísticas no Amazonas que não podem ficar de fora da sua lista de próximas viagens. Temos certeza de que você vai adorar!

  • Manaus

No coração da Amazônia, Manaus é uma capital muito interessante para se explorar. Além do contato intenso com a natureza, você poderá observar muito da história do país e terá contato com uma cultura riquíssima.

amazonas
Fotos: @gaiavani

A melhor forma de chegar em Manaus é de avião, tanto que o aeroporto da capital amazonense é o terceiro mais movimentado do país. Para essa viagem, você não pode deixar de ler o post sobre as melhores dicas para planejar sua viagem para Manaus.

Além disso, a cidade conta com diversos atrativos no centro histórico, por isso recomendamos um day tour para visitar o Mercado Municipal, o Teatro Amazonas, o MUSA (Jardim Botânico de Manaus) e a Praia da Ponta Negra.

Os arredores de Manaus também possuem passeios interessantíssimos, como o encontro dos Rios Negro e Solimões, visita a uma tribo indígena, observação de botos e restaurantes flutuantes para provar as comidas regionais do Amazonas.

Dentre as experiências imperdíveis na região, estão hospedar-se em um hotel de selva na Amazônia e fazer um cruzeiro fluvial a partir de Manaus. Fiz um roteiro incrível de 3 dias e 2 noites pelo Rio Negro com a Iguana Tour e guardei lembranças para toda a vida dos dias que passei navegando pelos rios amazonenses.

amazonas
Fotos: @gaiavani

Aproveite para ler:

Onde ficar em Manaus: 20 melhores hotéis e pousadas

O que fazer em Manaus: 20 pontos turísticos e experiências imperdíveis para incluir no roteiro


  • Parintins

Depois de Manaus, Parintins é, provavelmente, a cidade turística do Amazonas mais conhecida pelos turistas. Conhecida como “Ilha Tupinambarana”, Parintins está a 369 km de Manaus e é lar do maior festival folclórico a céu aberto em todo o mundo!

Certamente não há como pensar nesse destino sem comentar sobre o Festival de Parintins. Durante a última semana do mês de junho, Parintins pára para ver o duelo dos Bois-Bumbás Garantido e Caprichoso. O primeiro é representado pelas cores vermelho e branco, enquanto o segundo possui as cores azul e branco. Em três noites de shows e desfiles apoteóticos os bois duelam pelo título. A festa, é claro, atrai turistas do mundo todo.

A rivalidade é tamanha que quem torce para um dos bois não gosta nem de usar a cor do boi rival! Grandes marcas aprenderam a sobreviver em Parintins com uma jogada de marketing sensacional. A Coca-Cola possui embalagens na cor de ambos os bois, assim como algumas agências do Banco Bradesco são pintadas em azul. Até alguns carros ose bombeiros são pintados em amarelo para socorrer algum torcedor do boi Caprichoso!

Além do festival, em Parintins o turista pode conhecer o curral dos bois, o Mercado Municipal, a Vila Amazônica e muito mais.

  • Tefé

Tefé é uma cidade que vem se desenvolvendo bem em relação ao turismo. A cidade está a 643 km de Manaus e possui uma grande biodiversidade preservada. Não é à toa que a cidade é conhecida como “Coração da Amazônia”.

turismo no amazonas
Foto: @gaiavani

O que fazer no Amazonas, em Tefé? O encontro das águas é imperdível. A confluência do Rio Solimões com o Lago Tefé é um verdadeiro espetáculo da natureza.

A Reserva de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá se dedica à conservação da várzea amazônica e é a maior do país. Nela há a Pousada Flutuante Uacari e eu super recomendo a hospedagem nesse tipo de acomodação.

  • Novo Airão

A importância de Novo Airão se deve, principalmente, porque a cidade está localizada próxima de dois Parques Nacionais importantes, o Parque Nacional do Jaú e o Nacional de Anavilhanas.

viagem amazonia

O Parque Nacional de Anavilhanas é o segundo maior do mundo e possui 400 ilhas. Lá você pode observar a Floresta Amazônica e ter contato com os lindos botos-cor-de-rosa. No Flutuante Dona Marilda é possível ter um contato bem próximo com esses bichos.

Já o Parque Nacional do Jaú é o maior do país e é cortado pelo Rio Negro. Há ainda uma opção mais radical nesse parque, que são as correntezas do Rio Carabinani.

Mais um passeio bem curioso é a visita às ruínas do Velho Airão. A cidade foi fundada em 1694 e era estratégica no comércio de borracha. No entanto, contam que a cidade teve que trocar de lugar por conta de uma invasão de formigas de fogo. Hoje você pode explorar os antigos casarões que aos poucos foram tomados pela floresta.

  • Presidente Figueiredo

Outra cidade que não poderia faltar nessa lista de lugares para conhecer no Amazonas é Presidente Figueiredo. Ela fica a 107 km de Manaus e é conhecida como “Terra das Cachoeiras”. Até agora já foram catalogadas mais de cem cachoeiras na cidade e a maioria delas estão abertas ao público para visitação.

amazonas
Fotos: @gaiavani

Para os amantes do ecoturismo, Presidente Figueiredo é o paraíso na terra. Lá existem inúmeras trilhas ecológicas para percorrer, observando a majestosidade da floresta amazônica.

Dentre as trilhas que recomendamos, vale ressaltar a Caverna de Maroaga e a Gruta da Judeia. Ela está a 10km do centro da cidade e o acesso é através de uma trilha com grau médio de dificuldade. Já a Cachoeira do Santuário fica na Reserva Ecológica do Santuário e possui uma piscina natural ótima para banho. A infraestrutura para os turistas lá é ótima.

Outros pontos incluem a Cachoeira da Neblina, da Pedra Furada, da Iracema, do Mutum, Asframa (ótima para quem está com crianças), Urubuí, Lagoa Azul do Maranhão e o Lagoa Azul Park. Ufa! São tantas cachoeiras que vão faltar dias para conhecer todas elas.


Aproveite para ler:

O que fazer em Presidente Figueiredo: TOP 10 cachoeiras e trilhas


  • Itacoatiara

Na região metropolitana da capital, Itacoatiara significa “Pedra Pintada” no dialeto indígena. Esse nome se deve ao fato de terem sido encontradas pedras com inscrições rupestres na região.

Dentre as atrações da cidade, destacamos o Fecani, Festival da Canção de Itacoatiara, o maior da região Norte.

Além do ecoturismo, em Itacoatiara vale a pena conhecer a Praça do Mirante, de onde é possível observar o belíssimo pôr-do-sol amazonense.

  • Manacapuru

Chamada de “Princesinha do Solimões”, Manacapuru pertence à região metropolitana de Manaus e está a 84km da capital. As belezas dessa cidade são muitas, incluindo praias de água doce, igarapés, lagos e os famosos hotéis de selva que atraem muitos turistas.

Dentre as atrações, o Balneário do Miriti atrai residentes e turistas, principalmente aos finais de semana. Você pode tomar um banho refrescante no rio, comer deliciosos pratos de peixe fresco nos restaurantes e apreciar a música ao vivo (apenas aos finais de semana).

Além disso, em Manacapuru ocorre o maior Festival de Cirandas. Esse evento exalta o nosso folclore e é uma espécie de Festival de Parintins. Porém, a disputa é acirrada entre os grupos “Flor Matizada”, “Guerreiros Mura” e “Tradicional”.

  • São Gabriel da Cachoeira

Em seguida, temos São Gabriel da Cachoeira, um destino para quem é amante do ecoturismo. A cidade está a 853 km de distância de Manaus e o acesso é feito por via fluvial ou aérea. No entanto, o avião é muito mais rápido e confortável.

A grande atração de São Gabriel da Cachoeira é o Parque Nacional do Pico da Neblina. Nele, há quem se aventure em desbravar o ponto mais alto do país, o Pico da Neblina com seus 2900m de altura. Contudo, para encarar as trilhas do Parque recomendo contratar uma empresa especializada, como a Roraima Adventures, uma das poucas autorizadas a atuar por lá.


Dica: Se você curte explorar a natureza, então vai adorar nosso artigo com os 25 melhores Parques Nacionais do Brasil.


Ademais, São Gabriel da Cachoeira possui diversas aldeias indígenas e algumas delas você pode visitar e conhecer mais dessa cultura tão rica. Nelas é possível comprar objetos como cestas, redes e outros tipos de utensílios.

  • Tabatinga

Às margens do Rio Solimões, Tabatinga é uma cidade estratégica, pois faz fronteira com Peru e Colômbia. A cidade é bem distante de Manaus, tanto que para chegar até lá são necessários cerca de 4 dias de viagem de barco ou 3h30 de avião.

Mas se você está pensando em o que fazer em Tabatinga, uma das atrações é o comércio nos países vizinhos. Muitos atravessam a Avenida da Amizade e fazem compras em Letícia (já território colombiano).

Além das compras, o turismo em Tabatinga está muito voltado para a observação da natureza. É possível observar os botos vermelho e tucuxi e ter contato com as comunidades nativas que vivem nas proximidades.

  • Maués

Popularmente conhecida como a “Terra do Guaraná”, Maués é um dos maiores produtores da deliciosa frutinha do país. A cidade está a 270 km de Manaus, capital e é acessível através de barco ou avião.
Maués é um destino turístico com muitas belezas naturais e uma riqueza cultural sem tamanho.

viajar amazonia

Dentre os atrativos turísticos, a pesca esportiva movimenta bastante a região. A cidade é banhada pelo Rio Maués Açu e entre setembro e março, as águas do rio baixam e lindas praias se formam na região chamada de “Caribe Amazonense”. As praias da Maresia e Antártica são duas que se formam nesse período e são ótimas para banho.

Já na Zona Rural de Maués, vale a visita à Ilha de Vera Cruz. Além das praias e igapós, a Ilha de Vera Cruz é um sítio arqueológico onde foram achados diversos artefatos com mais de 400 anos. O povo da ilha é bastante acolhedor e recebe muito bem os visitantes.


Roteiro Amazonas

Agora que você já conhece um pouco mais sobre o Amazonas, que tal começar a montar seus roteiros para explorar esse Estado? Não sabe como começar? Então não se preocupe! Aqui no Mala de Aventuras temos um artigo ótimo com 10 dicas para montar um roteiro de viagem.

viagem para o amazonas
Foto: @gaiavani

Sugestão de Roteiro Amazonas:

Deu para ver que meses na região não seriam suficientes para explorar tudo que o Amazonas tem a oferecer, né? Recomendamos um mínimo de 10 dias para uma viagem para a Amazônia. Dessa forma, você poderá fazer o seguinte roteiro:

  • 1 dia em Manaus
  • 3 dias na Selva Amazônica (hotel de selva ou cruzeiro fluvial)
  • 3 dias em Presidente Figueiredo
  • 3 dias Parintins e Maués

Pronto para turistar no Amazonas?

Se você não tinha muitas informações sobre o turismo no Amazonas até então, agora já tem vários destinos incríveis para conhecer. Ficou alguma dúvida sobre o Estado? Quais dessas cidades você tem vontade de conhecer? Deixe seu comentário aqui embaixo que adoramos ler a sua opinião.