Jalapão, no Tocantins, é aquele destino queridinho e instagramável que todo mundo quer conhecer, sobretudo os amantes de ecoturismo. Se você nunca ouviu falar desse lugar, com certeza já viu foto de alguém em uma “piscina” de água bem azul em meio a natureza, os fervedouros. 

Se você está com esse destino no radar, nesse post vamos te contar o que os turistas geralmente querem saber ao organizar uma viagem até lá: quais as melhores pousadas no Jalapão? Como chegar? Quantas horas de Palmas para o Jalapão? E, certamente, uma das mais recorrentes: quanto custa uma viagem ao Jalapão?

Assim sendo, chegou a hora de conferir o GUIA COMPLETO que preparamos para você, com base em nossa experiência neste destino inesquecível.

jalapão quando ir Fervedouro Licuri
O charmoso fervedouro Licuri

Jalapão Tocantins: vale a pena conhecer?

Muito! Destino perfeito para quem quer se desconectar do mundo, desfrutar de belas paisagens naturais, dunas avermelhadas e muita tranquilidade, o Jalapão, no Brasil é ainda uma região pouco explorada.

O grande destaque da região são os famosos fervedouros e sempre aparecem quando se pesquisa o que fazer no Jalapão. Além de encantar a todos, não só pela beleza da água azul, que parece pintada à mão, mas por ser uma espécie de jacuzzi natural, com água quentinha e relaxante.

Portanto, se você quer saber quando ir ao Jalapão, dicas para sua viagem ou até mesmo o que fazer no Jalapão à noite, continue lendo para descobrir!

jalapao tocantins quando ir
Jalapão, Tocantins, quando ir: o clima na região é sempre agradável!

Guia Jalapão Tocantins: principais informações sobre o destino

Uma das primeiras coisas que você deve saber sobre o Jalapão, TO, é que apesar de ter paisagens privilegiadas e render fotos de tirar o fôlego, esse não é um destino de luxo, pelo contrário: para acessar uma vista incrível, antes você vai precisar se aventurar por estradas não pavimentadas e trilhas.

Localizado no Tocantins, o Jalapão não é uma cidade, e sim um Parque Estadual, formado por 8 municípios, no centro do Brasil. Os aventureiros de plantão vão se maravilhar com as condições perfeitas para se conectar com a natureza…E uma vez no Jalapão o que fazer? Praticar rafting, percorrer dunas e relaxar nas piscinas e cachoeiras são apenas algumas das atrações que uma viagem ao Jalapão vai te proporcionar. 

Onde fica o Jalapão?

O Parque Estadual do Jalapão fica na região do interior do Tocantins e funciona desde o ano de 2001, atraindo turistas de todo o Brasil e de outros países. O parque é uma unidade de conservação e proteção da natureza que guarda verdadeiras preciosidades em meio a mata.

Agora que você sabe em qual cidade fica o Jalapão, já sabe onde se hospedar? Os municípios que oferecem as melhores opções de estadia são Ponte Alta do Tocantins, Mateiros e São Félix do Tocantins. É muito importante saber que um carro do tipo 4×4 vai ser o seu melhor aliado para se locomover pelo Jalapão e que o sinal de internet não funciona por lá…

jalapao quando ir
Jalapão, Tocantins, pontos turísticos: Lagoa do Japonês. Foto: @gaiavani / @vazaonde

Para saber mais sobre o Jalapão no Tocantins, fotos e dicas de como chegar, não deixe de ler este post sobre o Parque Estadual do Jalapão: guia completo para os amantes do ecoturismo.


Como chegar no Jalapão?

Pesquisando sobre o Parque Estadual do Jalapão no mapa é possível ver que ele fica próximo de alguns estados como a Bahia, o Piauí e o Maranhão. Assim sendo, seja de qual estado você vier, o melhor jeito de chegar ao Jalapão é via aeroporto de Palmas.

Para se deslocar do aeroporto até o parque recomendamos que você já tenha contratado uma agência de viagem local para te buscar e te conduzir pelos passeios e essa recomendação é por um bom motivo: o sinal escasso de internet e as estradas precárias e mal sinalizadas exigem muuuuito conhecimento do local.

agência de turismo jalapão
O transporte no Jalapão costuma ser uma das principais preocupações dos viajantes! Foto: @gaiavani

Contratando previamente uma agência local, não só você vai contar com pessoas preparadas que sabem o caminho, como também que estão equipadas com um carro 4×4, ideal para não correr o risco de atolar . Assim, as más condições do trajeto não serão um problema e você poderá aproveitar tudo o que o turismo no Jalapão tem a oferecer!

Nossa agência escolhida foi a Diego Tour. Eles ficaram responsáveis por todos os nossos passeios e traslados e foi tudo impecável: conhecimento dos guias, carros confortáveis e segurança em primeiro lugar. Você pode descobrir se a Diego Tour é confiável lendo este post completo com a opinião de outros viajantes.

Distância Palmas x Jalapão

Como dissemos anteriormente, para chegar ao Jalapão, o aeroporto mais próximo é o de Palmas, e o tempo de deslocamento até o Parque Estadual vai variar de acordo com o município em que você for parar primeiro.

De Palmas até o município de Ponte Alta do Tocantins são 150km de estrada asfaltada. Essa é a principal entrada para o parque, por ser a mais próxima do aeroporto e o deslocamento leva aproximadamente umas 2 horas de carro. 

De Ponte Alta até outros municípios, como Mateiros e São Félix são mais algumas horas e mais de 300km de distância. O acesso a esses lugares é difícil sobretudo devido às condições das estradas, que não são asfaltadas… Por isso, fomos com a Diego Tour, que facilitou esse processo com carros 4×4 e guias super experientes.

As estradas de terra e areia fofa são a parte mais desafiadora do trajeto, portanto não é recomendado ir por conta própria, caso não tenha essa prática. No entanto, há várias opções de agências de viagem na região, equipadas para realizar esse translado até a sua hospedagem. Aproveite para ler e descobrir as melhores agências do Jalapão.

jalapão onde fica
As belas e acidentadas estradas do Jalapão. Foto: @gaiavani

Qual é a melhor época para visitar o Jalapão?

Entender qual é a melhor época para ir para o Jalapão também é importante para a sua experiência de viagem. Na região não é comum fazer frio, então em qualquer mês do ano a temperatura costuma ser bem agradável e fica em média entre 20º e 30º C. Esse clima perfeito para desbravar o parque é muito convidativo, mas não o único fator importante a consultar na hora de reservar a viagem.

Outro detalhe muito importante sobre o Jalapão para definir quando ir é entender que a época da seca e a da chuva são bem definidas. Portanto, para garantir o clima mais ameno e a cor mais clara nas cachoeiras e fervedouros do Jalapão, a melhor época é entre maio e julho, no início da seca.

Jalapão no verão

O verão no Brasil acontece a partir do final de dezembro até o final de março porém, no Jalapão, o período da seca é considerado como o “verão local” que acontece desde o início de maio até o final de setembro. Nessa época, quase não chove e por isso as águas ficam mais transparentes.

É nesse período que a experiência se torna mais paradisíaca com a cor cristalina da água nos fervedouros e nas cachoeiras e rios da região. Portanto, se você sonha em postar aquelas fotos invejáveis nas redes sociais, o verão do Jalapão é a melhor opção para a sua viagem.

fervedouros jalapão quando ir
Jalapão quando ir: de maio a setembro as águas ficam cristalinas e impressionam os viajantes. Foto: @nandahudson

Jalapão no inverno

A época de inverno no Jalapão não é necessariamente fria, já que a região é famosa pelas belezas naturais e por fazer calor o ano inteiro. Enquanto o período dessa estação no país é entre junho e setembro, nessa região é conhecido como inverno local o período entre outubro e abril.

Entre os meses de dezembro e março as chuvas caem em grande quantidade no Jalapão. Nessa época, as águas das cachoeiras e dos fervedouros não ficam transparentes. Em contrapartida, se você prefere fugir de aglomerações e não ter grande disputa para tirar fotos, essa é a época ideal para ir ao Jalapão a turismo.


Como se locomover no Jalapão?

Se você pesquisar ‘Jalapão onde fica’ ou ‘Jalapão o que fazer’, invariavelmente vai encontrar informações como: cachoeiras acessadas por estradas de terra, solo arenoso, estradas precárias, má sinalização e principalmente a palavra atolar. Portanto, já deu para perceber que é fundamental um veículo 4×4 ou ainda uma caminhonete, além de contratar um guia especializado, certo?

jalapão quando ir
Jalapão, Brasil: cenários incríveis que só esse país tem!

Quem nos acompanha aqui no blog já sabe que nós adoramos montar nossos próprios roteiros e ter autonomia e liberdade durante as viagens, então quase nunca optamos por agências locais. Mas no Jalapão é diferente. Quando nos perguntam como se locomover no Jalapão, não conseguimos dizer nada além de: contrate uma das melhores agências do Jalapão.

Contudo, se ainda assim sua porção aventureira falar mais alto e você quiser encarar o desafio sozinho, lembre-se de levar um mapa impresso, além de um mapa offline no celular (buscar informações no meio da estrada, sem sinal de internet, será tarefa impossível). Se informe antes sobre as rotas que pretende percorrer e cheque os horários das atrações para calcular o deslocamento, afinal, numa estrada de terra você gastará muito mais tempo!


Jalapão (Tocantins): dicas para planejar sua viagem

Uma viagem para o Jalapão, Tocantins, pode ser surpreendente tanto para quem ama destinos no melhor estilo “meio do mato” quanto para quem quer se permitir experimentar algo novo. Esse lugar reúne o rústico, o paradisíaco e o contato com a natureza, sendo um real refúgio para relaxar e recarregar as energias.

O Parque Estadual do Jalapão é uma opção incrível para os apaixonados por ecoturismo. Toda a região e suas riquezas são cuidadosamente preservadas, tanto pelos turistas, quanto pelos guias. Lá, o turista pode admirar não só a beleza exuberante da fauna e da flora do cerrado, mas também apreciar a comida, a arte, os costumes e a cultura local.

fervedouros do jalapão vista aérea
Jalapão, Tocantins: pontos turísticos inesquecíveis e lindas fotos de recordação! Foto: @gaiavani

Se você está prestes a conhecer esse oásis tocantinense, se prepare para encontrar um lugar onde a simplicidade é o charme local e a aventura diária é desbravar cada cantinho do parque. Essa região conhecida pelo ecoturismo e pelo artesanato encanta a todos, sem exceção. 

Como é o Jalapão?

Não é difícil definir como é o Jalapão, estamos falando de um lugar que ganhou o coração dos viajantes pela beleza natural, que já começa pelo próprio nome. Em homenagem a flor Jalapa-do-Brasil, que é muito comum na região, o nome da região já dá uma boa dica do espetáculo que espera pelos visitantes.

Apesar de ser um lugar de visual romântico, não é uma viagem que deve ser super romantizada. O acesso é demorado e difícil, devido às distâncias e as estradas, e as hospedagens não são nada luxuosas, mas servem muito bem para passar a noite com conforto.

Outra coisa muito importante é saber que a entrada no Parque Estadual é gratuita, mas cada atração tem um custo individual. Então, além de contratar os passeios com a agência, você precisará comprar os ingressos para as atrações e as refeições separadamente. 

Por ser um lugar muito integrado à natureza, não tem sinal de celular e isso é fantástico para quem quer se desligar um pouco da rotina acelerada. No entanto, para garantir que isso não se torne prejudicial, é bom estar acompanhado por uma agência local.

Lagoa do Japonês Jalapão
Jalapão, Tocantins, turismo: a Lagoa do Japonês vista do alto. Foto: @brenomadeira

Contratar uma agência de viagem no Jalapão não é luxo: é um investimento que evita perrengues, como se perder sem sinal para pedir ajuda ou ainda atolar o carro e precisar de guincho. Com a Diego Tour nossa experiência foi zero stress, além de um atendimento super personalizado.

whatsapp diego tour


Leia também: Diego Tour é confiável? Confira nossa experiência e de outros viajantes no Tripadvisor e Reclame Aqui


Quais as cidades do Jalapão?

Por ser muito conhecida apenas pelo nome de Jalapão, a região é muito confundida com uma cidade. Na verdade, o Jalapão é uma grande unidade de conservação e proteção ecológica.

Seu território tem mais de 34 mil km² e é formado por diversas cidades, mas as principais, mais turísticas e mais próximas para dos pontos turísticos do Jalapão são os municípios de Mateiros, Novo Acordo, Ponte Alta do Tocantins e São Félix do Tocantins. Por cada uma delas é possível observar a mata de transição entre o cerrado e a caatinga e a variedade de águas, desde fervedouros a corredeiras, assim como plantas e animais exóticos.

Ponte Alta do Tocantins

A cidade do Jalapão que fica mais próxima de Palmas é Ponte Alta do Tocantins, principal acesso ao Parque Estadual do Jalapão. É nessa cidade que fica a famosa Pedra Furada do Jalapão, então, logo de cara, você já tem um programão que é assistir o pôr do sol incrível de lá.

Outra super atração de Ponte Alta é o Cânion Sussuapara, que te leva até uma cachoeira bem refrescante para compensar a trilha e o clima quente da região. Entre cachoeiras, banhos de rio e restaurantes regionais, essa cidade proporciona uma experiência única para o turista.

Por ser a cidade mais perto do aeroporto, é a melhor para que sirva de primeira base para os passeios pelo Jalapão. Se tiver pouco tempo de viagem, vale a pena conhecer os principais pontos de lá: 

  • Pedra Furada do Jalapão
  • Cânion Sussuapara
  • Rio Soninho
  • Cachoeira do Soninho
  • Cachoeira do Lajeado
por do sol no jalapão
Jalapão, Tocantins, pontos turísticos: o pôr do sol na Pedra Furada é simplesmente maravilhoso! Foto: @vazaonde / @gaiavani

Mateiros

Mateiros é uma das cidades do Jalapão favoritas dos turistas, porque tem mais opções de hospedagens e é onde fica a maior parte de ecoturismo de todo o parque. Por ter a melhor infraestrutura da região, Mateiros é geralmente escolhida como cidade base enquanto os turistas conhecem o Jalapão.

Localizada há pelo menos 5 horas de Palmas, a cidade recebe o seu nome em homenagem aos veados mateiros que são encontrados na região. Em Mateiros ficam muitos pontos turísticos desejados e disputados pelos turistas.

Se tiver tempo de sobra, dedicar uns 3 dias só em Mateiros pode ser interessante para conhecer e se deliciar com os principais pontos da cidade, que são:

  • Cachoeira da Formiga
  • Cachoeira da Velha
  • Prainha do Rio Novo
  • Fervedouro
  • Dunas
  • Serra da Muriçoca
  • Pedra da Baliza
  • Comunidade quilombola Mumbuca
Jalapão Tocantins, Brasil, cachoeiras
Jalapão, Tocantins, pontos turísticos: a Cachoeira da Formiga. Foto: @gaiavani

Leia também: Roteiro Jalapão: o melhor do Jalapão em 3, 5 ou 7 dias de viagem


São Felix do Tocantins

A pequena cidade de São Félix fica bem no coração do Parque Nacional do Jalapão, mas não tem tantos atrativos turísticos quanto Mateiros. Para chegar até lá, saindo de Palmas, a viagem dura por volta de 4h30.

Por ser menorzinha em comparação a outras cidades, São Félix não exige tanto tempo para ser desbravada. Pode ser uma boa opção como última parada antes de voltar rumo ao aeroporto, para se despedir do Jalapão com aquela dose ideal de aventura.

Todas as principais atrações de São Félix envolvem água, então os últimos banhos no Jalapão estão garantidos. Para lavar a alma, você precisa visitar esses lugares e curtir:

  • Rafting no Rio Novo
  • Praias de rio
  • Fervedouro do Alecrim
  • Cachoeira da Jalapinha
  • Serra da Catedral
  • Povoado do Prata
 jalapão tocantins brasil fervedouro alecrim
Jalapão, Tocantins, pontos turísticos : o fervedouro Alecrim foi o primeiro que visitamos, dá pra ver a cara de felicidade, né? Foto: @nandahudson

Quais as melhores pousadas do Jalapão (Tocantins)?

O Jalapão tem uma variedade de hospedagens em cada município do seu território. Apesar de ser um destino muito procurado, o foco continua sendo a preservação da área ecológica, então as pousadas oferecem estrutura simples, de forma a não agredir a natureza.

Com isso em mente, o turista não deve esperar por hospedagens requintadas e gastronomia de alto padrão. No entanto, o estilo rústico e simples das pousadas é muito acolhedor, que cumpre bem a função de um lugar confortável para descanar e a comida é aquela caseirinha que abraça.

As melhores pousadas do Jalapão (Tocantins) ficam nas três principais cidades escolhidas pelos turistas: Ponte Alta do Tocantins, Mateiros e São Félix do Tocantins. Você pode conferir mais detalhes no post pousadas no Jalapão: descubra onde se hospedar no Jalapão.

Vale lembrar que dentro do Parque Estadual do Jalapão não existem pousadas. Portanto, se o seu objetivo de viagem é desbravar apenas os atrativos dentro do Parque, você precisará ficar em uma hospedagem próxima.

Pousadas em Ponte Alta do Tocantins

Ponte Alta é a cidade que fica mais perto de Palmas, mas é a mais distante dos principais pontos turísticos do Jalapão. É escolhida como base em alguns casos para o primeiro dia de viagem, mas também tem atrações incríveis que já te apresentam aos encantos da região.

Na região de Ponte Alta as pousadas são bem acolhedoras, com quartos climatizados e café da manhã com ingredientes frescos. Algumas opções têm até piscina para se refrescar durante o descanso antes do próximo passeio. Então, se você nos perguntar quais as melhores pousadas do Jalapão em Ponte Alta, nós te indicamos:

pousadas em ponte alta do tocantins
A Pousada Beira do Rio. Foto: Divulgação Booking

Pousadas em Mateiros

Na cidade de Mateiros, os turistas encontram a maior variedade de hospedagens, além de uma estrutura um pouco melhorada. Por ficar mais próxima de várias atrações, acaba se destacando entre as outras. Se você só tiver tempo para conhecer uma cidade, com certeza essa é a melhor escolha.


Em Mateiros, apesar de não ter hospedagens de luxo, a recepção é sempre calorosa, atenciosa e acolhedora. Algumas pousadas ficam mais próximas da área urbana, outras mais afastadas, mas todas são projetadas para te proporcionar um tempo de sossego. Recomendamos onde ficar no Jalapão – em Mateiros – abaixo:

Jalapão onde fica
Pousada Cristal Dourado. Foto: Divulgação Booking

Pousadas em São Felix do Tocantins

São Félix é territorialmente a menor cidade, consequentemente a quantidade de  hospedagens também é baixa, contudo possui vários pontos turísticos que valem a visita. Por conta disso, São Félix é considerada uma das melhores opções para quem busca onde ficar para visitar o Jalapão, perdendo o posto apenas para Mateiros.

Nessa pequena cidade as hospedagens no Jalapão são bem simples, mas você também encontra opções mais modernas. Um diferencial é a pousada que tem acesso a um fervedouro dentro da propriedade. Nossas sugestões de hospedagem em São Félix Jalapão são:

Jalapão Brasil Tocantins onde fica
Cabana Camping Jalapão. Foto: Divulgação Booking

Onde comer no Jalapão?

Sendo uma região isolada, com trechos de mais difícil acesso, os restaurantes no Jalapão são mais simples, com aquela pegada de comida caseira e saborosa (alguns moradores inclusive servem deliciosas refeições em suas casas).

Uma vez que as atrações como cachoeiras e fervedouros ficam distantes das cidades, quem busca onde comer no Jalapão, vai encontrar nesses atrativos, restaurantes simples, que oferecem comidas locais a preços acessíveis (os pratos custam em média R$ 30/40).

Em geral, são servidos o arroz com feijão básico, acompanhados por farofa, macarrão, legumes, frango ou peixe da região. Os restaurantes mais famosos são os do Fervedouro Bela Vista e da Cachoeira das Araras.

Outra opção de onde comer no Jalapão são as próprias pousadas, que geralmente oferecem além do café da manhã, opções para almoço e jantar. É sempre bom ficar atento aos horários de fechamento (afinal, são cidades muito pequenas) e, na dúvida, levar um lanchinho para emergências!

Abaixo algumas opções de restaurantes no Jalapão, nas cidades de Mateiros, São Félix e Palmas:

  • Restaurante Mandala Jalapão – serve almoço caseiro no fogão a lenha. Comida simples, mas muito bem avaliada na região.
  • Recanto das Dunas Jalapão – serve petiscos, pizza, cervejas e drinks. Eventualmente ainda rola música ao vivo! Faixa de preço R$ 30
  • Cantinho – serve sucos, petiscos e café.
  • Restaurante Mama Cadela – serve almoço e jantar, culinária mais elaborada. Faixa de preço R$ 55 a R$ 180 (para duas pessoas).
  • Cabana do Lago – serve almoço e jantar, cozinha regional, peixes e carnes.
Jalapão quando ir
Jalapão, Tocantins, turismo: os fervedouros são o cartão de visitas da região!

Pacote Jalapão, Tocantins

Adquirir um pacote de viagem é sempre motivo de dúvida na hora de organizar a próxima viagem. No caso do Jalapão, contratar uma agência é essencial e um pacote certamente é uma opção bem mais apropriada, considerando segurança e praticidade nos deslocamentos.

Na hora de escolher uma agência, nossas dicas são: definir seus pontos de interesse, identificar o tipo de hospedagem que você procura, se informar sobre a qualidade do transporte disponível e sobre o tamanho do grupo de passeio que a agência costuma fazer. 

Nesse sentido, você pode conferir informações mais detalhadas no post sobre as melhores agências Jalapão: quais são confiáveis e têm bons pacotes de viagem. Essas dicas vão ser muito úteis para definir a qualidade e o fluxo da sua viagem.

Sendo assim, para fechar um pacote Jalapão, sugerimos entrar em contato com uma agência de turismo local. Uma muito boa que foi testada pelo MDA é a Diego Tour. Essa é uma agência familiar e super organizada, com certeza uma das melhores da região. Eles foram responsáveis pelo nosso roteiro Jalapão e já adiantamos que os tours são personalizados, contam com guias experientes e os carros são todos do tipo 4×4.

whatsapp diego tour

#DicaDaGaia: outro motivo para fechar seu pacote com a empresa Diego Tour é o cupom de desconto que te dá 5% de desconto no valor do pacote da sua escolha. Assim você já chega no Jalapão economizando. Para garantir o seu desconto, basta entrar em contato com a empresa pelo Whatsapp e falar que é leitor do Mala de Aventuras!


Jalapão (Tocantins) preço

Quanto custa para ir ao Jalapão, Tocantins? Essa dúvida é uma das mais comuns quando se trata de viajar para conhecer esta região. Apesar de não ser um destino de luxo, também não é um dos mais baratos….É possível que saia mais barato fazer a viagem por conta própria, sem contar com imprevistos.

pacote jalapão tocantins
Jalapão, Tocantins, pontos turísticos: fervedouro Bela Vista. Foto: @gaiavani / @vazaonde

Os principais fatores que definem o preço de uma viagem para o Jalapão são: em qual época será feita a viagem (baixa ou alta temporada), passagem aérea, transfer, contratação de pacote de viagem, aluguel de carro 4×4, ingressos das atrações, alimentação e comprinhas.

Para te dar uma ideia de quanto custa uma viagem ao Jalapão e preços, vamos lá:

  • Passagens aéreas: voos em torno de R$ 700 ida e volta (saindo do Rio ou SP) na baixa temporada / R$ 1.000 na alta
  • Pacote de passeios Jalapão 3 dias: média de R$ 1.890,00 na baixa temporada e R$ 1.990,00 na alta temporada.
  • Alimentação: média de R$ 80 por dia/pessoa.
  • Hospedagem no Jalapão: entre R$ 150 e R$ 400 a diária/casal.

Você pode conferir mais preços e um conteúdo mais completo super atualizado para 2024 neste post sobre quanto custa viajar para o Jalapão.


O que fazer no Jalapão (Tocantins): pontos turísticos 

O Jalapão tem muitos atrativos imperdíveis para os turistas, os principais são: os paradisíacos fervedouros, as cachoeiras refrescantes, as charmosas praias de rio, os imponentes cânions, pontos estratégicos para contemplar o pôr-do-sol, belas dunas e comunidades locais.

Os famosos fervedouros são a atração que mais chama a atenção dos turistas, inclusive muitas pessoas começam a pesquisar sobre viagem ao Jalapão depois de ver uma foto de algum fervedouro na internet. As cachoeiras da região se destacam pela beleza imponente, assim como os cânions e as dunas.

Vamos agora desbravar os principais pontos turísticos do Jalapão:

Cachoeiras do Jalapão

Algumas cachoeiras são perfeitas para um banho bem energizante, enquanto outras exibem uma bela queda d’água. Há ainda as que são o cenário ideal para praticar rafting e dar aquela descarga de adrenalina que vai deixar a viagem mais completa.

Saiba que algumas cachoeiras ficam localizadas em propriedades privadas, assim sendo, é cobrado um valor simbólico para ter acesso. Os moradores são bem atenciosos e acolhedores, vale visitá-los antes de ir embora. Anota aí quais são as 4 cachoeiras mais lindas do Jalapão:

1. Cachoeira da Formiga

Localizada em propriedade particular, é considerada uma das mais belas cachoeiras do Jalapão. Possui uma queda de água forte, com uma deliciosa piscina com águas transparentes após a queda.

O acesso é feito por uma trilha fácil, de aproximadamente 100 metros, e passarela. Costuma ficar bem cheia mesmo em dias de semana, então é bom evitar feriados. Logo na entrada há estacionamento, bar e banheiro.

O valor da entrada é R$ 50,00 por pessoa.

jalapão tocantins pontos turisticos cachoeira da formiga
Cachoeira da Formiga. Foto: @gaiavani / @vazaonde

2. Cachoeira da Cortina

Para acessar a cachoeira da Cortina o visitante fará uma trilha leve, de uns 3 km, em meio a uma vegetação muito bonita e protegida do sol forte. De quebra, vai se deslumbrar com uma queda de 70 metros e se refrescar no poço formado pelas águas. A cachoeira também fica localizada em uma propriedade particular, no Vale dos Pássaros, a 70 km partindo da cidade de Almas.

Além da beleza das águas os visitantes poderão ver araras, tucanos e até macacos! No topo da cachoeira é possível fazer ancoragem (descer pela borda da cachoeira usando equipamento de escalada) que você deverá agendar com antecedência.

A entrada custa em torno de R$30,00 por pessoa.

3. Cachoeira do Urubu Rei

Continuando a lista das melhores cachoeiras do Jalapão, temos a cachoeira do Urubu Rei que se localiza na mesma propriedade da cachoeira da Cortina. Os proprietários, Sr Davi e Dona Antônia são super receptivos, acolhedores e fazem todos se sentir em casa. Inclusive é possível se hospedar e fazer refeições por lá, tudo com muita simplicidade (não há luz elétrica). Perfeito para se desconectar do mundo lá fora!


Sem dúvida vale muito a pena visitar esta cachoeira, que possui fácil acesso e um bom poço para banho, apesar de pequeno e não muito profundo.

Valor da entrada R$ 30,00 por pessoa.

4. Cachoeira da Velha

A Cachoeira da Velha está localizada dentro do Parque Estadual do Jalapão e é a maior do parque! Aventureiros que curtem rafting são os maiores visitantes do local, pois possui corredeiras de nível 3 e 4. Uma vez no bote, você consegue ver toda a cachoeira (são dois semicírculos, separados por uma imensa árvore que divide as duas quedas) e percorrer as pedras por trás da queda de água. Uma delícia!

Quem não quiser essa adrenalina toda, no entanto, pode acessar a cachoeira através da plataforma de madeira, que permite contemplar o visual de um dos lados da queda d’água.

A entrada da cachoeira é gratuita, mas quem quiser curtir a adrenalina do rafting vai pagar algo em torno de R$ 200,00 pelo passeio.


Fervedouros do Jalapão

Os famosos fervedouros do Jalapão são tipos de piscinas naturais formadas por nascentes subterrâneas. A pressão dessas nascentes é tão forte que te impede de afundar, mesmo que você faça um grande esforço. Além disso, a cor clara e a temperatura fresca da água se destacam.

Para manter a preservação desses oásis tocantinenses e viabilizar a rotatividade, os turistas têm um tempo estipulado para ficar nos fervedouros e são organizados em pequenos grupos. Confira os 5 fervedouros do Jalapão que não podem ficar de fora do seu roteiro:

1. Fervedouro Buriti

Com água em tons de verde e azul (a depender da incidência dos raios de sol) este fervedouro é bastante conhecido e concorrido. Como não é um fervedouro muito grande, a permanência máxima no local é de 20 minutos, para evitar aglomerações e permitir revezamento dos visitantes com mais conforto (10 pessoas por turno).

jalapão onde fica fervedouro buriti
Jalapão, Tocantins, pontos turísticos: Fervedouro Buriti

O acesso é feito por uma pequena escada de madeira, após uma pequena trilha de 500 metros, o que leva aproximadamente 10 minutos. É permitido banho noturno até as 22hs. A contratação de uma boa agência de turismo no Jalapão vai te levar até o fervedouro no melhor horário e, com sorte, você garantirá minutos extras no local!

Valor da entrada em torno de R$ 25,00 por pessoa.

2. Fervedouro Buritizinho

Assim como no Fervedouro Buriti Jalapão, a permanência máxima no Fervedouro Buritizinho é limitada a 20 minutos (e seis pessoas), uma vez que este é o menor fervedouro do Jalapão.

O acesso é feito por uma trilha de 4km a beira do rio Formiga, onde inclusive há um trecho calmo, ótimo para banho. Há uma pousada e restaurante no local, com refeições caseiras a um preço super acessível. Além disso, é possível fazer boia cross, para se divertir enquanto aprecia as belezas naturais do entorno.

fervedouro buritizinho
Jalapão, Tocantins, pontos turísticos: o fervedouro Buritizinho é um dos menores, mas super fundo. Um charme!

Valor da entrada R$ 15,00 e valor do camping R$35,00.

3. Fervedouro Por Enquanto

Este fervedouro é um pouco mais profundo que os demais e igualmente lindo. O nome Por Enquanto se deve ao fato de uma comunidade quilombola que foi passar um período no local, com a intenção de partir em pouco tempo. No entanto, devido à beleza local, o ‘por enquanto’ se tornou definitivo e deu nome ao rio e ao fervedouro =)

Há uma pousada bem recente no local, com estacionamento e um bar, que serve refeições caseiras aos visitantes e hóspedes.

Jalapão quando ir
Jalapão, Tocantins, pontos turísticos: fervedouro Por Enquanto. Foto: @gaiavani

4. Fervedouro Macaúbas

Este fervedouro é conhecido por ser o que possui a nascente mais forte, e, consequentemente, a maior pressão. Tem capacidade máxima para 10 pessoas e também possui limite de tempo para evitar aglomerações.

Possui infraestrutura com banheiros e lanchonete e a trilha tem 640 metros, levando cerca de 20 minutos de caminhada. Valor da entrada R$ 20,00.

5. Fervedouro Bela Vista

O maior, mais conhecido e mais disputado fervedouro do Jalapão. Em relação aos demais fervedouros possui a melhor infraestrutura turística, com pousada, restaurante e camping.

Após uma pequena caminhada, você verá o deck com uma escadinha, que dá para o fervedouro e é parada obrigatória para fotos lindas, com águas cristalinas, emolduradas por uma vegetação exuberante. Definitivamente um pequeno pedaço de paraíso.

Valor da entrada R$ 25,00 por pessoa.

fervedouros mais bonitos do jalapão, brasil
Jalapão, Tocantins, pontos turísticos: um dos fervedouros mais lindos do Jalapão, Bela Vista. Foto: @gaiavani

Jalapão, Tocantins: dicas extras de passeios pela região

Duas atrações que consideramos imperdíveis quando se fala em uma viagem ao Jalapão são as Dunas e a Pedra Furada. Portanto, falaremos um pouquinho sobre cada uma delas abaixo:

01. Dunas do Jalapão Tocantins

Por fim, mas não menos importante, as dunas do Jalapão, localizadas dentro do Parque Estadual com acesso pela TO- 255 em Mateiros, são de uma beleza e grandeza simplesmente impressionante. Os montes de areia em tom alaranjado foram formados devido ao processo de erosão sofrido pelas rochas das serras da região. 

A vista é um espetáculo à parte, é indiscutivelmente linda. Admirar a beleza simples e imponente do cerrado tocantinense é tão especial quanto se impressionar com o pôr-do-sol que acontece ali naquele lugar. Essa região só não é totalmente desértica devido a presença de lagos e rios. 

jalapao tocantins brasil
Jalapão, Tocantins, pontos turísticos: Dunas do Jalapão.

02. Pedra Furada do Jalapão

Um dos principais pontos turísticos e presente em todas as listas de o que fazer no Jalapão, a Pedra Furada é um dos lugares mais bonitos para se apreciar o por do sol no Jalapão. Localizada a 35 km da Ponte Alta do Tocantins, com acesso pela TO – 130. Vale saber que fica dentro de uma propriedade particular, com acesso gratuito, acessível por uma trilha de 5 minutos.

Formada pela ação do vento numa gigantesca rocha, a fenda na Pedra Furada se torna uma moldura incrível para belíssimas fotos e muita contemplação. A subida é super fácil e você poderá apreciar toda a imensidão do cerrado ao longe. Sem dúvida um atrativo que merece destaque!

Pedra Furada Jalapão Tocantins Brasil
Jalapão, Tocantins, pontos turísticos: a Pedra Furada, belíssimo mirante no Jalapão

Aproveite para ler: Pontos turísticos Jalapão: 20 lugares imperdíveis para incluir no roteiro


Roteiro Jalapão

Com tantos atrativos espalhados por variados municípios, muita gente fica em dúvida sobre como escolher um roteiro pelo Jalapão. Tudo vai depender, claro, de quanto tempo você terá disponível e da época em pretende fazer a viagem a região. A maioria dos pacotes para o Jalapão tem preços para 3, 5 ou 7 dias de viagem.

Roteiro Jalapão 3 dias: o que fazer

Em 3 dias de viagem ao Jalapão, você já consegue aproveitar um pouco desse paraíso e conhecer algumas das principais atrações:

  • 1º dia: Praia do Pixico, Árvore dos desejos, Serra do Espírito Sto, Morro Sacatrapo e Dunas
  • 2º dia: Fervedouro Buritis, Ceiça e Macaúbas, Cachoeira do Formiga, Comunidade Quilombola
  • 3º dia: Fervedouro Alecrim e Bela Vista, Cachoeira das Araras, Parque do Poço Encantado e Serra da Catedral

Roteiro Jalapão 5 dias: o que fazer

Numa viagem ao Jalapão de 5 dias você já consegue explorar um pouco mais:

  • 1º dia: cachoeiras Roncadeira, do Macaco, Pedra Furada ou do Lajeado
  • 2º dia: Pedra Furada, Mirante da Pedra e Lagoa do Japonês
  • 3º dia: Cânion Sussuapara, Comunidade Quilombola Rio Novo, Praia do Pixico, Serra do Espirito Sto, Morro Sacatrapo e Dunas
  • 4º dia: Fervedouros Buritis, Ceiça, Macaúbas, Cachoeira do Formiga e Comunidade Quilombola.
  • 5º dia: Fervedouro Alecrim e Bela Vista, Cachoeira das Araras, Poço Encantado e Serra da Catedral.

Fizemos um resumo bem básico, mas você pode conferir nosso roteiro Jalapão com outras opções nesse post super completo.

Roteiro Jalapão 7 dias: o que fazer

Uma viagem ao Jalapão de 7 dias é o combo perfeito! Confira nossa sugestão de roteiro (vale saber que neste caso consideramos um dia para descolamentos):

  • 1º dia: Cachoeira Roncadeira, rapel, Pedra Furada ou do Lajeado
  • 2º dia: Pedra Furada, Mirante da Pedra e Lagoa do Japonês
  • 3º dia: Cânion Sussuapara, Praia do Pixico, Árvore dos desejos e Dunas do Jalapão
  • 4º dia: Fervedouro Buritis, Ceiça e Macaúbas, Cachoeira do Formiga e Comunidade Quilombola
  • 5º dia: Fervedouro Alecrim e Bela Vista, Cachoeira das Araras, Parque do Poço Encantado e Serra da Catedral
  • 6º dia: Cânion encantado, Cachoeira dos Pelados e Cidade de Pedra

E lembrando que a agência responsável por nos ajudar a montar e executar todo o nosso roteiro pelo Jalapão foi a Diego Tour. Nossa experiência foi incrível e a gente pediu, inclusive, um presentinho para vocês. Leitores do blog que entrarem em contato com a agência via Whatsapp vão ganhar 5% de desconto nos passeios!


whatsapp diego tour jalapao


Dúvidas frequentes de quem pesquisa por Jalapão, Tocantins:

Destinos mais distantes e pouco explorados como o Jalapão, no Brasil, podem levantar questionamentos. Abordamos alguns ao longo do post, mas caso ainda tenha alguma dúvida sobre o Jalapão mais algumas dicas:

Jalapão Tocantins, cachoeiras
Jalapão, Tocantins, pontos turísticos: a Cachoeira das formigas. Foto:@nandahudson

Quantos dias é bom ficar no Jalapão?

Jalapão, Tocantins tem muitos pontos turísticos e as atrações mais procuradas são as cachoeiras, piscinas naturais e fervedouros. Tendo em vista que o parque é muito extenso e cada parte dele fica em um município diferente, para aproveitar bastante a região o ideal é passar pelo menos uns 5 dias nesse paraíso. Afinal ir até lá, percorrer quilômetros de estradas de terra, para ver tudo correndo não é o ideal, certo?

De qualquer forma, caso você esteja com tempo (ou orçamento) contado e precise otimizar seu roteiro, em três dias conseguirá ver os principais pontos turísticos do Jalapão.

É possível explorar Jalapão, Tocantins sozinho?

Sinceramente, não recomendamos! Como dissemos ao longo do post as estradas são difíceis, a sinalização precária e o sinal de internet quase inexistente…Será que vale mesmo a pena pesquisar tantas dicas sobre o Jalapão, quando ir, onde ficar e o que fazer para ficar perdido e atolado numa estrada no final das contas? Certamente que não…

Jalapão, Tocantins é um destino para crianças e idosos?

Claro que é uma região com trechos mais desafiadores, mas há muito o que fazer no Jalapão, mesmo para quem viaja com crianças e idosos. Vários fervedouros tem fácil acesso, são seguros e possuem trilhas bem curtinhas, como por exemplo o Fervedouro da Ceiça, do Buriti, do Rio do Sono, Bela Vista, entre outros. Assim, tanto idosos quanto crianças poderão desfrutar das águas mornas e super tranquilas para flutuar e observar os peixes e a natureza.

O que levar na mala para o Jalapão?

Estes são itens básicos que você deve colocar na sua mala de viagem para o Jalapão, Tocantins:

  • Roupas leves, confortáveis e fáceis de trocar
  • Roupa de banho
  • Filtro solar e repelente
  • Óculos e boné
  • Calçados confortáveis e chinelos
  • Toalha de secagem rápida
  • Um casaquinho para uma brisa noturna
  • Remédios

Pronto para viajar para o Jalapão (Tocantins)?

Por fim, agora que você já sabe o que é o Jalapão, não dá para esperar mais tempo, então faça bom uso de todas as dicas do MDA e vá ser feliz no interior do Tocantins!

Para te ajudar a organizar bem direitinho a sua viagem, dá uma olhada nos outros posts do blog sobre esse paraíso brasileiro.


Leia também:

Roteiro Jalapão e Serras Gerais: 8 dias de muitas cachoeiras, fervedouros e paisagens de tirar o fôlego

Diego Tour é confiável? Confira nossa experiência e de outros viajantes no Tripadvisor e Reclame Aqui

Roteiro Jalapão: o melhor do Jalapão em 3, 5 ou 7 dias de viagem

Pontos turísticos Jalapão: 20 lugares imperdíveis para incluir no roteiro


OBS: é provável que você encontre links de afiliados nesse post. Portanto, se você utilizou os nossos links para fazer as reservas da sua viagem, muito obrigada! É dessa forma que mantemos o blog ativo e sempre atualizado, pois ganhamos uma pequena comissão gerada através dessas vendas - e você não paga nada a mais por isso!
Quem escreve | @gaiavani
Quem escreve
Fotógrafa, viajante de carteirinha e empreendedora digital, a editora do Mala de Aventuras vive a vida intensamente, aproveitando cada horinha do seu dia para transformar o mundo através das viagens.
  • Sobre
    Sobre o Mala de Aventuras
    Aqui você encontra a melhor curadoria de destinos, hotéis e experiências pelo mundo. Acompanhe as nossas viagens em tempo real no @maladeaventuras
  • Organize a sua viagem!
    Descubra quais ferramentas nós e
    outros viajantes profissionais usamos
    para economizar nas viagens!
  • NEWSLETTER
  • Nossos presets!

    Sua fotos incríveis com apenas um clique!
    Conheça a nossa coleção de filtros para edição de fotos no aplicativo Lightroom!

  • Posts em destaque
  • E-Book fotografia
    ebookMDA
  • Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *