Considerado um dos destinos de natureza mais surpreendentes do Brasil, o Jalapão é um verdadeiro paraíso para quem gosta do contato com a natureza. E para você que está planejando sua viagem para esse destino incrível, nós fizemos um post super completo com todas as dicas para um roteiro pelo Jalapão.

Descubra quais são as principais atrações da região, as pousadas mais bem recomendadas, o que levar na sua mala e muitas outras dicas de ouro. Esse post vai te ajudar a aproveitar ao máximo as belezas do Cerrado evitando dores de cabeça indesejadas.

Continue sua leitura e descubra as melhores dicas para montar seu Roteiro Jalapão.


Por que viajar para o Jalapão?

Nos rincões do Tocantins, a região do Jalapão e das Serras Gerais vêm ganhando cada vez mais destaque no cenário do turismo de natureza nacional. Por conta de seus cenários únicos, o Jalapão já serviu até de cenário para a novela “O outro lado do paraíso”, da TV Globo.

expedição jalapão
Dunas do Jalapão no pôr do sol. Foto: @gaiavani / @ines.lafosse

Com cerca de 34.000 km², o Jalapão abrange 8 municípios. O destino é simples e rústico, mas suas belezas naturais são impressionantes. O povo local também é bastante acolhedor e sempre te recebe com um belo sorriso no rosto. Por entre fervedouros, trilhas, dunas e cachoeiras, o Cerrado se revela ao viajante como um local beirando o selvagem.

Se você curte o contato com a natureza praticamente intocada e o sossego, então o Jalapão é um destino que você não pode deixar de conhecer. Venha junto com a gente desbravar o Jalapão.


Dicas para montar um roteiro para o Jalapão

Antes de saber quais são os principais atrativos turísticos do Jalapão, separamos algumas dicas super importantes. Você sabe qual a melhor época para visitar a região? Qual o tempo de viagem ideal para conhecer tudo? Qual a melhor forma de se locomover de um ponto a outro?

Encontre as respostas para essas e outras perguntas aqui:

Quando visitar o Jalapão

Antes de tudo, você precisa saber que é possível visitar o Jalapão praticamente durante todo o ano. A região é marcada por uma temporada de seca e outra de chuva. Contudo, apesar das chuvas, as temperaturas são sempre elevadas. Os termômetros variam entre 20º e 30º ao longo do ano.

rio novo tocantins
Rio Novo: uma das belezas naturais do Tocantins!

É importante você saber antes de montar seu roteiro pelo Jalapão que entre os meses de maio e setembro é o chamado período das secas. Por outro lado, entre outubro e abril as chuvas caem na região.

Minha recomendação é que você opte por fazer sua viagem no início do período das secas. Entre maio e julho as temperaturas ainda estão agradáveis e as cachoeiras apresentam bom volume de água sem ficarem turvas.

Isso não significa que você terá uma experiência negativa ao viajar em outros meses do ano. Eu mesma visitei a região no final de agosto e tive uma experiência sensacional!

Quantos dias no Jalapão

Muito leitores e seguidores ficaram em dúvida sobre a quantidade de dias necessários para explorar o Jalapão. Na dúvida, recomendo ficar uma semana por motivos bem simples:

Em primeiro lugar, 3 ou 4 dias não são suficientes para você conhecer tudo o que a região tem a oferecer. Assim sendo, melhor passar alguns dias a mais do que perder alguma atração importante, né?

Além disso, você precisa levar em consideração que o deslocamento até o Jalapão não é tarefa fácil. O trajeto leva praticamente um dia, levando em consideração o aéreo da sua cidade até o aeroporto de Palmas, além do trajeto por vias terrestres até o Jalapão e outro.


Aproveite para ler também: Onde ficar em Palmas: hotéis baratos e bem localizados


Como se locomover pelo Jalapão

Se chegar até o Jalapão não é tarefa fácil, imagine então se locomover por lá. Sem dúvidas, os veículos 4 x 4 são os mais indicados, tendo em vista que as estradas são de areia ou terra, em sua maioria.

roteiro jalapão 7 dias
As belas e acidentadas estradas do Jalapão. Foto: @gaiavani

Também preciso alertar que o sinal de celular é praticamente inexistente e as estradas são muito mal sinalizadas. Por isso, recomendo que você contrate uma agência para fazer seus passeios. Além de planejarem tudo, eles já fazem as reservas de hotel e oferecem transporte e guia local.

#DicaDaGaia: Nós testamos e recomendamos os serviços da Diego Tour. Roteiro impecável com o melhor do Jalapão e das Serras Gerais. Ah, e o melhor: o nosso guia conhecia os melhores horários para visitarmos cada fervedouro, então quase não esperamos nas filas. Ufa!

E o melhor de tudo? Conseguimos um desconto especial para os leitores! Entre em contato com eles através do Whatsapp e diga que você é leitor do Mala de Aventuras para garantir 5% OFF em todos os pacotes!

Onde ficar no Jalapão

Não espere encontrar pousadas de luxo e resorts no Jalapão. A região formada por 8 municípios conta com pousadas, no geral, simples e sem grande infraestrutura. Os municípios que possuem mais oferta de acomodações são Ponte Alta do Tocantins, Mateiros e São Félix do Tocantins.

Em São Félix do Tocantins recomendo a Pousada Fervedouro Bela Vista. Seu grande diferencial é já ter um fervedouro na propriedade, sendo possível até fazer visitas noturnas.

Já em Mateiros, recomendo a Pousada Cristal Dourado. Ela fica em meio a natureza e seu atendimento é sempre muito elogiado pelos hóspedes.

Por fim, em Ponte Alta do Tocantins a dica é a Pousada Águas do Jalapão. Os quartos são simples, mas cumprem bem sua finalidade. O café da manhã é repleto de delícias regionais.


Roteiro Jalapão: quais são os principais pontos turísticos do Jalapão?

O Jalapão e as Serras Gerais estão repletos de belezas naturais. Quando se pensa nos principais atrativos, a primeira coisa que surge na mente são os fervedouros, nascentes de rios subterrâneos que afloram com tamanha potência que não deixam você sequer afundar.

pacote jalapão
Fervedouro Bela Vista. Foto: @gaiavani / @vazaonde

Mas além dessas maravilhas da natureza, há muito mais para se explorar na região. Trilhas levam você a cachoeiras e cânions belíssimos. As dunas formam cenários de tirar o fôlego. E nas margens dos rios formam-se praias deliciosas para se refrescar no calor do cerrado.

01. Fervedouro Bela Vista

Queridinho entre os turistas, o Fervedouro Bela Vista desponta entre os mais bonitos do Jalapão. Além de ser um dos que possui maior profundidade, ele também possui a melhor flutuabilidade. Você não afunda nem que queira! Os tons de azul do Fervedouro Bela Vista também impressionam.

Esse fervedouro fica dentro da propriedade de uma pousada e ficando por lá é possível visitar o fervedouro no período noturno. O valor do ingresso é de R$20,00 por pessoa.

02. Fervedouro Buriti

Logo de cara você já encanta pelo fervedouro Buriti. Seu formato é de coração e as águas azuis contrastam em perfeita harmonia com o verde das palmeiras de buriti a sua volta.

fervedouro buriti jalapão
Fervedouro Buriti. Foto: @gaiavani / @ines.lafosse

Assim como nos demais fervedouros do Jalapão, o tempo máximo de permanência no Fervedouro Buriti é de 20 minutos e o ingresso custa R$20,00.

03. Cachoeira da Formiga

Nas proximidades de Mateiros fica a belíssima Cachoeira da Formiga. Ela possui água cristalina e sua pequena queda d’água forma uma piscina natural muito refrescante.

Fique atento, pois ela costuma ficar bem cheia. O ideal é chegar lá bem cedinho para curti-la de forma quase exclusiva.

cachoeira da formiga jalapão
Cachoeira do Formiga. Foto: @gaiavani / @vazaonde

O ingresso para entrar na propriedade custa R$20,00.

04. Dunas do Jalapão

Com toda certeza, as dunas do Jalapão foram uma das atrações turísticas da região que mais me encantaram. A areia avermelhada é fruto da erosão das serras da região e dá a sensação de estar caminhando em meio ao deserto com vários oásis em volta. O local é ótimo para fotos, principalmente ao final da tarde.

05. Pedra Furada

A curiosa pedra de arenito esculpida ao longo dos anos é um dos principais pontos turísticos do Jalapão. A Pedra Furada fica a 35km de Ponte Alta e seu acesso é bem simples.

Guarde essa dica: o local é um dos melhores para se apreciar o pôr-do-sol na região.

por do sol no jalapão
O pôr do sol na Pedra Furada é simplesmente maravilhoso! Foto: @gaiavani / @vazaonde

06. Lagoa do Japonês

Considerada um oásis em meio ao Cerrado, a Lagoa do Japonês é uma atração que fica bem na divisa entre Jalapão e Serras Gerais.

A lagoa está cercada pela mata verde e as rochas calcárias da região. A transparência da água é inacreditável. Também é possível conhecer o interior da gruta a nado ou de barco. Sem dúvidas, um passeio que vale a pena.

07. Cânion Encantado

Eu adoro fazer trekking e conhecer o Cânion Encantado foi uma das atividades que mais gostei nas Serras Gerais. Esse cânion ainda é pouco explorado pelos turistas, mas seu potencial é gigante. A trilha que leva ao centro do cânion possui 6km de extensão, mas vale saber que ela não funciona o ano todo. Durante o período das chuvas a visitação é interrompida, portanto, este é um passeio para os meses de maio a setembro.

Ao final do cânion você se depara com paredões rochosos de 70m de altura e pequenas cascatas que alimentam uma piscina natural. Mas não se engane com a calmaria das águas, a correnteza ali requer atenção do turista.

cânion encantado
A força da água no Cânion Encantado é indescritível! Momento maravilhoso. Foto: @nandahudson

Leia também: Pontos turísticos Jalapão: 20 lugares imperdíveis para incluir no roteiro


Roteiro Jalapão: opções para 3, 5 ou 7 dias de viagem

Já que recomendamos organizar sua viagem com uma agência local, separamos roteiros de 3, 5 e 7 dias comumente oferecidos pelas agências de turismo do Jalapão. Vale lembrar que as empresas estão abertas a fazer alterações de acordo com o seu objetivo de viagem e seu gosto pessoal.

Roteiro Jalapão 3 dias

Embora eu tenha dito que o ideal para aproveitar bem a região sejam 7 dias de viagem, se você tiver pouco tempo disponível para conhecer o destino, é possível ter um gostinho do que é o Jalapão em um pacotes de 3 dias:

  • Dia 01: Praia do Pixico, Árvore dos Desejos, Serra do Espírito Santo, Morro Sacatrapo e Dunas do Jalapão.
  • Dia 02: Fervedouro Buritis, Ceiça e Macaúbas, Cachoeira do Formiga e Comunidade Quilombola.
  • Dia 03: Fervedouro Alecrim e Bela Vista, Cachoeira das Araras, Parque do Poço Encantado e Serra da Catedral.
pontos turísticos jalapão: fervedouros
Cada fervedouro é um espetáculo! Foto: @gaiavani

O pacote acima foi feito com base no Roteiro Jalapão da Diego Tour. Mudanças no roteiro podem ser feitas, basta entrar em contato com eles.

Lembrando que nossos leitores tem 5% de de desconto em todos os pacotes com a Diego Tour! Entre em contato com eles via Whatsapp e diga que é leitor do Mala de Aventuras para garantir.

Roteiro Jalapão 5 dias

Esse é um dos roteiros Jalapão mais procurados pelos viajantes! Aqui você já vai conseguir conhecer os principais pontos turísticos da região e até alguns que ficam fora do roteiro tradicional. Veja só essa dica de roteiro de 5 dias no Jalapão:

  • Dia 01: Cachoeira Roncadeira, Cachoeira do Macaco, Cachoeira da Pedra Furada ou de Lajeado.
  • Dia 02: Pedra Furada, Mirante da Pedra e Lagoa do Japonês.
  • Dia 03: Cânion Sussuapara, visita à Comunidade Quilombola Rio Novo, Praia do Pixico, Serra do Espírito Santo, Morro Sacatrapo e Dunas do Jalapão.
  • Dia 04: Fervedouro Buritis, Ceiça, Macaúbas, Cachoeira do Formiga e visita à comunidade Quilombola.
  • Dia 05: Fervedouro Alecrim e Bela Vista, Cachoeira das Araras, Poço Encantado e Serra da Catedral.
quanto custa viajar para o jalapão
Lagoa do Japonês. Foto: @gaiavani / @vazaonde

Roteiro Jalapão 7 dias

Por fim, se você tem 7 dias disponíveis, vai ter a chance de mergulhar de cabeça nas belezas do cerrado. Confira esse roteiro de 7 dias no Jalapão:

  • Dia 01: Cachoeira Roncadeira, Rapel, Cachoeira Pedra Furada ou Lajeado.
  • Dia 02: Pedra Furada, Mirante de Pedra e Lagoa do Japonês.
  • Dia 03: Cânion Sussuapara, Praia do Pixico, árvore dos Desejos e Dunas do Jalapão.
  • Dia 04: Fervedouro Buritis, Ceiça e Macaúbas, Cachoeira do Formiga e comunidade quilombola.
  • Dia 05: Fervedouro Alecrim e Bela Vista, Cachoeira das Araras, Parque do Poço Encantado e Serra da Catedral.
  • Dia 06: Cânion Encantado, Cachoeira dos Pelados e Cidade de Pedra.

Lembrando que devemos considerar sempre 1 dia para ida de Palmas até o Jalapão e 1 dia de retorno a Palmas.


Meu roteiro no Jalapão

Eu simplesmente AMEI cada cantinho do Jalapão! Das planícies a perder de vista à água cristalina dos fervedouros, da comidinha caseira e deliciosa ao povo acolhedor, a minha experiência foi memorável.

Como falei acima, a agência responsável por organizar meu roteiro foi a Diego Tour. Eles montaram um roteiro personalizado, já que fechamos um tour privativo, e ficou assim:

fervedouro drone jalapão
Fervedouro Macaúbas. Foto by @vazaonde
  • Dia 01: Traslado Palmas x Ponte Alta do Tocantins. Deixamos nossas coisas no hotel e logo partimos para a Lagoa do Japonês, onde almoçamos e aproveitamos a água cristalina do local. No fim do dia, fomos curtir o pôr do sol mais badalado do Jalapão na Pedra Furada.
  • Dia 02: Acordamos cedo para fazer a trilha do Cânion Encantado. E de fato, o cânion é encantador. Esse passeio foi surpreendente! Próximo dali, moram o Sr. Davi e Dona Antônia. Fomos visitá-los e aproveitamos para dar um pulo na Cachoeira do Urubu Rei, que fica na propriedade do casal. O pôr do sol foi nos Arcos do Sol.
  • Dia 03: Com as malas prontas dentro do carro, seguimos viagem para São Felix do Tocantins. A primeira parada foi no Cânion Sussuapara e depois pegamos algumas horas de estrada, até chegarmos na Prainha do Rio Novo para nos refrescarmos e almoçarmos em uma comunidade quilombola da região. Paramos também no Mirante da Serra do Espírito Santo e encerramos o dia nas belas Dunas do Jalapão. Chegamos no hotel depois do por do sol e exaustos do longo dia.
  • Dia 04: Acordamos logo cedo para chegar na Cachoeira do Formiga antes do fluxo de turistas do dia. Conseguimos aproveitá-la durante uma meia hora só pra gente, mas logo depois chegaram diversos grupos! Almoçamos num restaurante delicioso. Aliás, comemos muito bem durante toda a viagem. Comida caseira: arroz, feijão, carne, saladinha, tudo com tempero gostoso! Na parte da tarde visitamos dois fervedouros: o Macaúbas e o Buritizinho. Achei ótimo que o nosso guia sabia os melhores horários para visitar os fervedouros evitando filas.
  • Dia 05:  Dá pra cansar dos fervedouros? Eu diria que não! Cada um tem uma característica única e brincar de tentar afundar é muito divertido, dá para ficar horas fazendo isso! Pena que só temos 20 minutos em cada um deles. rsrs No nosso quinto dia de viagem visitamos o Fervedouro Buriti, o Encontro das Águas e o Por Enquanto. Encerramos o dia visitando uma comunidade quilombola da região, onde pudemos conferir peças lindas de artesanato com capim dourado e experimentamos uma variedade de sorvetes artesanais com frutas da região.
  • Dia 06: Não poderíamos encerrar a viagem sem visitar o fervedouro mais famoso do Jalapão, o Bela Vista. No caminho de volta para Palmas, passamos ainda na Cachoeira das Araras e na Serra da Catedral.
pontos turísticos jalapão
Lagoa do Japonês. Foto: @gaiavani / @vazaonde

Dúvidas frequentes ao montar um roteiro para o Jalapão

Depois que postamos sobre nossa viagem ao Jalapão, muitos seguidores fizeram perguntas acerca de valores, o tipo de roupa pra levar na mala, entre outras dúvidas. Por isso, resolvemos reunir as dúvidas mais frequentes aqui no post e explicar uma a uma.

Como é o turismo no Jalapão?

O Jalapão é, definitivamente, um destino rústico. O turismo por lá vem crescendo a cada ano, mas ainda se encontra em desenvolvimento. No geral, as pousadas da região são simples e as cidades não possuem infraestrutura turística.

Somado a isso, estradas mal sinalizadas e de terra ou areia, além de sinal de celular praticamente ausente, fazem do Jalapão um destino com ares de selvagem. Portanto, o Jalapão é o destino dos sonhos para quem gosta de contato com a natureza e de muita paz e sossego.

Eu, particularmente, adoro destinos roots como o Jalapão, mas se você gosta de viagens luxuosas, talvez seja melhor repensar se esse é o destino ideal para as suas próximas férias.

estradas jalapão
A maior parte das estradas no Jalapão são de terra ou areia. Foto: @gaiavani

Quanto custa uma viagem para o Jalapão?

Quando fazemos o planejamento para uma viagem ao Jalapão, precisamos estar atentos a certos gastos que os pacotes de empresas de turismo não cobrem. Um deles é o da passagem aérea.

Durante a alta temporada, as passagens custam, em média, R$1.200,00. Consideramos saídas a partir de São Paulo e Rio de Janeiro. Já na baixa temporada você encontra passagens de R$900,00, em média, a partir das mesmas capitais.

O valor dos pacotes pode variar de uma agência para outra. Tomando como base a Diego Tour que a empresa que nos atendeu, os valores e a quantidade de dias são os seguintes:

  • 03 dias: R$1890,00 (baixa e alta temporada).
  • 04 dias: R$2190,00 (baixa temporada) e R$2390,00 (alta temporada).
  • 05 dias: R$2590,00 (baixa temporada) e R$2790,00 (alta temporada).
  • 06 dias: R$3190,00 (baixa temporada) e R$3290,00 (alta temporada).

Não esqueça de incluir também os gastos com alimentação (R$70 a R$100 por dia) e extras com lembrancinhas que você possa vir a comprar durante a viagem.


Afinal, quanto custa viajar para o Jalapão? Separe entre R$3.000,00 e R$5.000,00 por pessoa para um roteiro pelo Jalapão.

Qual é a melhor agência de turismo no Jalapão?

Embora seja muito legal montar seu próprio roteiro do zero, você deve ter percebido que o ideal é desbravar o Jalapão com o auxílio de uma agência de turismo. Elas vão montar seu pacote e ajudar a evitar dores de cabeça desnecessárias.

A região conta com cerca de 60 empresas atuando entre Jalapão e Serras Gerais. No entanto, apenas 31 delas são oficialmente regulamentadas. Uma delas é a Diego Tour. Testamos os serviços dessa agência em 2021 e gostamos muito da experiência!

Inclusive, ela se tornou parceira do Mala de Aventuras e concedeu 5% de desconto para leitores do Mala de Aventuras. É só entrar em contato com eles via whatsapp e dizer que é nosso(a) leitor(a)!

whatsapp diego tour jalapao

E para ficar por dentro de outras agências recomendadas na região, não deixe de ler nosso post com as melhores agências de turismo do Jalapão. Lá você vai encontrar maiores informações e entender um pouco mais dos roteiros que elas organizam.

Dá para viajar com crianças no Jalapão?

Para quem deseja saber se é possível viajar com os pequenos para o Jalapão, a resposta é sim. Contratando um pacote com uma agência credenciada, eles deixarão tudo organizado para que as crianças também aproveitem ao máximo a experiência.

Contudo, não recomendamos o roteiro Jalapão para pais com crianças ainda de colo ou então que ainda sejam muito dependentes de carrinho. Tendo em vista que se anda bastante e as trilhas não possuem muita estrutura, você pode ter problemas com carrinhos de bebê e crianças muito pequenas.

roteiro jalapao
No Jalapão, você andará por muitas trilhas de areia, pedra e cascalhos. Foto: @nandahudson

Pessoas idosas podem fazer um roteiro pelo Jalapão?

Dependendo da idade e da disposição da pessoa idosa, ela conseguirá visitar muitas das atrações do Jalapão. Contudo, é importante ter em mente que os trajetos de carro são longos e as estradas são esburacadas. Caso o idoso tenha as costas frágeis, isso pode se tornar um problema.

Tem muito bicho? Cobra? Insetos?

Em um destino como o Jalapão não temos como fugir dos bichos e insetos.

Os mosquitos podem acabar se tornando companheiros de viagem bem incômodos caso você não tenha um repelente sempre a mão. Eles são pequenos e a picada parece a do borrachudo. Dói pra caramba!

Também recomenda-se tomar a vacina da febre amarela ao menos 10 dias antes de sua viagem.

Abelhas também são bastante comuns na região e não é possível remover as colmeias. Por isso, se você for alérgico, lembre-se que você não estará perto de pronto-socorro caso haja alguma emergência.

O que levar na mala em um roteiro pelo Jalapão?

Como a maioria dos roteiros pelo Jalapão envolvem carro compartilhado, nem pense em levar malas enormes. A regra é ser simples e objetivo. Mas o que levar na mala de viagem para o Jalapão, então? Veja esse checklist que preparamos para você:

  • Roupas leves e fáceis de trocar
  • Roupas de banho
  • Tênis e chinelo
  • Chapéu ou boné
  • Óculos de sol
  • Protetor Solar
  • Repelente
  • Creme hidratante
  • Toalhas de secagem rápida
  • Roupas para trilha
  • Casaco corta-vento
  • Mochila de ataque
  • Itens básicos de higiene
  • Garrafa de água
  • Remédios de uso contínuo e para eventuais emergências
  • Dinheiro em espécie (alguns lugares no Jalapão não aceitam cartão como forma de pagamento)

Pronto para viajar para o Jalapão?

E aí, já sabe como será seu roteiro Jalapão? Se ficou alguma dúvida, não se preocupe! Deixe sua pergunta nos comentários abaixo que logo iremos te responder. E se você já esteve por lá, compartilhe sua experiência nesse belo destino.


Continue planejando sua viagem:

Pousadas no Jalapão: descubra onde se hospedar no Jalapão

Quanto custa viajar para o Jalapão em 2022: valor de pacotes, passagem, hotéis

Fervedouros do Jalapão: 12 fervedouros imperdíveis para o seu roteiro


OBS: é provável que você encontre links de afiliados nesse post. Portanto, se você utilizou os nossos links para fazer as reservas da sua viagem, muito obrigada! É dessa forma que mantemos o blog ativo e sempre atualizado, pois ganhamos uma pequena comissão gerada através dessas vendas - e você não paga nada a mais por isso!
Quem escreve | @gaiavani
Quem escreve
Fotógrafa, viajante de carteirinha e empreendedora digital, a editora do Mala de Aventuras vive a vida intensamente, aproveitando cada horinha do seu dia para transformar o mundo através das viagens.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *